DEPUTADOS ESTADUAIS

DEPUTADOS ESTADUAIS
RIO GRANDE DO NORTE

DATA E HORA

BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

sábado, 3 de setembro de 2011

EX-PRESIDENTES DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Presidentes da Assembléia no período de 1835 com o Padre Francisco de Brito Guerra (Campo Grande-RN, 18/4/1877 – Rio de Janeiro, 26/2/1845) até a presente data (15/04/2009)
Dep. Robinson Faria - 2003 a 2007
Dep. Álvaro Costa Dias - 1997 a 2003
Dep. Leonardo Arruda - 1995 a 1997
Dep. Raimundo Fernandes - 1993 a 1995
RAIMUNDO NONATO FERNANDES PESSOA, popularmente conhecido por “RAIMUNDO BIGODÃO”, natural de São Miguel-RN, nascido a 11/7/1943. Ingressa na política no ano de 1976, quando em 15/11, juntamente com seu companheiro de chapa, na pessoa de Miguel Feliz da Silva, foram eleitos para os mandatos de prefeito e vice-prefeito respectivamente em São Miguel. Em 15/11/82 foi eleito deputado estadual, pela legenda do PDS, reeleito em 15/11/86. Em 3/10/1990, Raimundo Bigodão conquista seu 3º mandato. No pleito eleitoral de 1994, ele resolve não disputar seu 4º mandato, cedendo a vaga para sua esposa, dona Maria Gisenira D. de Freitas. Em 1998, tenta uma vaga para o Senado Federal, não conseguindo êxito, já sua esposa não consegue sua reeleição na Assembléia Legislativa. Em 2002, Raimundo Fernandes retorna ao Palácio José Augusto.
Raimundo Fernandes vem de uma tradicional família política na Tromba do Elefante, seu pai Hesíquio Fernandes de Sá foi prefeito de São Miguel em três períodos, em 1946, nomeado pelo Interventor Georgino Avelino (31/7/1897 – 3/4/1959). Em 1948 foi eleito prefeito constitucional de São Miguel, retornando ao cargo em 1958. Seu irmão, Sebastião Pessoa Fernandes em 1989 se elege prefeito de São Miguel. Em 2004, sua irmã, dona Maria do Socorro Fernandes foi eleita prefeita da cidade de Venha Ver. No pleito eleitoral deste ano, Raimundo Bigodão será candidato à reeleição com apoio de Chiquinho.
Dep. José Adecio da Costa - 1991 a 1993
JOSÉ ADÉCIO DA COSTA, natural de Pedro Avelino-RN, nascido a 21 de setembro de 1944. No dia 15/11/1986 elegeu-se deputado estadual pela legenda do PL, se reelegendo nos pleitos eleitorais de 3/10/1990. 4/10/98 e 6/10/2002, estando atualmente em seu 5º mandato. É casado com Neide Suely Muniz Costa, ex-prefeita de Pedro Avelino em dois mandatos. De 1989 a 1993 e de 1997 a 2001. No último pleito eleitoral municipal seu filho José Adécio da Costa Filho – ADECINHO fora candidato a prefeito de Pedro Avelino, pela legenda do PFL, o qual conquistou 2.507 votos, mas perdeu as eleições para o candidato do PMDB, senhor Adcleiton Batista da Trindade que obteve 2.811 votos, conquistando assim sua reeleição, mas não assumiu o cargo, tendo em vista que no dia 15/15/04, a Drª Alba Paulo de Azevedo, Juíza da 48ª Zona Eleitoral da Comarca de Pedro Avelino ter cassado o diploma do candidato vencedor e diplomando o segundo colocado, porém, no dia 26/12/04 o STE suspendeu a diplomação de ADECINHO e em 01/01/2005, quem tomou posse como prefeito foi o presidente da Câmara Municipal, o edil Rômulo Figueiredo (PDT).
Dep. Vivaldo Costa - 1989 a 1991
VIVALDO SILVINO DA COSTA – candidato a vice-governador na chapa encabeçada de José Agripino, que venceram seus opositores Lavoisier Maia e Laíre Rosado.
Vivaldo, natural de Caicó, nascido a 01/10/1940. Com a desincompatilização do governador José Agripino para concorrer uma vaga no senado Federal, ele assume o governo em 31/3/94, governando até 01/01/95, passando para seu sucessor Garibaldi Alves. Vivaldo atualmente encontra-se exercendo seu 5º mandato de deputado estadual.
Dep. Nelson Freire - 1987 a 1989
Dep. Willy Saldanha - 1985 a 1987
Dep. Carlos Augusto Rosado - 1981 a 1983
Carlos Augusto, natural de Mossoró, nascido a 31/10/44, filho de Jerônimo Dix-Sept Rosado Maia (25/3/11 -12/7/51), filho de Jerônimo Rosado e de Isaura Rosado Maia; e de Adalgisa de Souza Rosado, natural de Mossoró, nascida a 7/7/1919, filha de João Câncio de Souza 98/3/1890 – 17/6/1933) e de Amélia Ferreira de Souza 92/11/1895). Casou-se em 12/12/74 com Rosalba Ciarline, ex-prefeita de Mossoró em 3 mandatos. Foi deputado estadual em várias legislaturas, exercendo posições de liderança, chegando a presidência da Assembléia Legislativa. É Reconhecido por toda a crônica política potiguar como um dos mais sábios articuladores político do Estado. Ele não aceita tal conceito, preferindo ser conhecido apenas como um simples deputado aposentado de Mossoró. E o principal mentor político do seu grupo denominado de Rosalbismo. Preferiu não exercer nenhum cargo direto nas 3 administrações de sua esposa, reservando para si um papel de conselheiro.
Dep. Luiz Antônio Vidal - 1979 a 1981
Dep. Alcimar Torquato - 1977 a 1979
Dep. Dary Dantas - 1975 a 1977
Dep. Ezequiel Ferreira de Souza - 1973 a 1975
Dep. Moacyr Torres Duarte - 1971 a 1973
Dep. Clovis Coutinho da Motta - 1966 a 1971
Dep. Theodorico Bezerra - 1963 a 1966
Mons. Walfredo Gurgel - 1961 a 1963
Dep. José Vasconcelos da Rocha - 1961 a 1961
JOSÉ VASCONCELOS DA ROCHA, natural de Guarabira-PB, nascido a 23 de dezembro de 1935, filho de Adauto Ferreira da Rocha e de Marluce de Vasconcelos da Rocha. Bacharel em Ci\~encias Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de Alagoas, tendo sido colado grau em 2 de dezembro de 1963. Foi vice-prefeito de Goianinha, de 1958/59, deputado Estadual (1959/67), assumindo a Presidência da Assembléia Legislativa no período de 13 de janeiro de 1961 a 31 de janeiro de 1961. Ingressou no cargo de Juiz do trabalho de 2ª Instância, ocupante de vaga destinada a representante da OAB/RNN, nomeado através do decreto Presidencial de 14 de novembro de 1991, publicado no Diário Oficial da União de 18/11/1991 e tomou posse em 15 de junho de 1992, sendo eleito o 1º Presidente do Tribunal Regional do Trabalho – TRT da 21ª Região.
Dep. Vicente da Mota Neto - 1960 a 1961
VICENTE DA MOTA NETO, natural de Mossoró, nascido em 6 de novembro de 1914, filho de Francisco Vicente Cunha da Mota. Bacharel pela Faculdade de Direito do Recife. Faleceu no dia 13 de janeiro de 1981.
Dep. José Augusto Varela - 1956 a 1960
Dr. Sebastião Maltez Fernandes - 1953 a 1956
Natural de Caraúbas, nascido em 1904, era formado em Medicina, dedicou-se a profissão de Médico e a política, eleito deputado estadual por duas vezes.
Sebastião Maltez Fernandes
Genpesio Cabral de Macedo
Carlo Borges de Medeiros
Antonio Soares de Araújo Filho
Abilio Medeiros
Alfredo Mesquita Filho
Aluízio Gonçalves BEZERRA
Antonio Martins Veras
Antonio Barbalho Simonete
Ezequiel EPAMINONDAS DA Fonseca Filho
Francisco Dantas Guedes
Francisco Solon Sobrinho
Francisco Teodoro Avelino
Hélio Dantas
Israel Ferreira Nunes
João Batista Borges Montenegro
Monsenhor João da Matha Paiva
João Fernandes de Melo
Joaquim Alves Câmara
Joaquim Alves da Silva
José Cortz Pereira de Arapujo
José Nicodemus da Silveira Martins
José Patrício de Figueiredo Neto
José Rhiers Diniz Rocha
José Xavier da Cunha
Lauro Arruda Câmara
Manuel Veras Saldanha
Newron Pinto
Odorico Ferreira de Souza
Olavo João Galvão
Pedro Soares de Araújo Amorim
Ramiro Pereira da Silva
Raul de França Alencar
Waldemar de Souza Veras
Dep. Ezequiel Epaminondas F. Filho - 1953 a 1953
Bel. Sylvio Piza Pedroza - 1951 a 1951
Dep. Tomás Salustino G. de Melo - 1947 a 1951
Nasceu em Currais Novos-RN no dia 6 de setembro de 1880, FILHO DE Manoel Salustiano Gomes e de Abanília Regina de Araújo,bacharel em direito, juiz de Direito, desembargador, criador, agricultor, industrial, vice-Governador e presidente da AL e presidente da Tribunal de Justiça, o qual tomou posse em em 10 de dezembro de 1940. Faleceu em Natal no dia 30 de junho de 1963.
Dep. Pedro Soares de A raújo Amorim - 1947 a 1947 -
Natural de Assu, nascido em 28 de setembro de 1880, filho de Pedro Soares de Amorim (2/12/1854 – 27/9/1915), este filho de José Gomes de Amorim e de Ana Clarinda Soares de Amorim; e de Maria Francisco de Araújo Amorim. No Atheneu Norte-Riograndense, em Natal, fez seus preparórios. Em seguida, matriculou-se na Faculdade de Medicina da Bahia, titulando-se primeiro em Farmácia em 1902 e pois, em 1903, recebia o seu diploma de Médico. Regressando ao seu estado, clinicou vários anos em Macau, atendendo também em Moosoró e Areia Branca, conquistando pela sua comprovada dedicação, um numeroso circulo de afetuosas estimas que ainda perrduram. Casou-se em 29 de maio de 1909 com Maria Beatriz Montenegroo. Foi o primeiro prefeito constitucional de Assu e presidente da Intendência Municipal em vários períodos. Eleito deputado estadual no ano de 1918. Faleceu em Natal no dia 6 de outubro de 1961.
Monsenhor João da MATHA Paiva - 01/10/1937
Dissolvida em 10 de novembro de 1937
Mosenhor João da Matha Paiva - 01/9/1936 a 01/10/1937
Monsenhor João da Matha Paiva - 28/10/1935 a 22/02/1936
Bel Joaquim Inácio de Carvalho Filho - 1930 – dissolvida em 6 de outubro de 1930
PERÍODO REPUBLICANO – 1930 1891
Bel Joaquim Inácio de Carvalho Filho - 1929 – 1930
Bel Joaquim Inácio de Carvalho Filho - 1928 – 1929
Bel Augusto Leopoldo - 1927 – 1928
Bel Augusto Leopoldo - 1926 – 1927
Bel Augusto Leopoldo - 1924 a 1928
Augusto Leopoldo Raposo da Câmara - 1924 – 1925 - - Vice-Governador
Bel Henrique Castriciano - 1921 a 1924
Pedro Soares de Araújo
1920 a 1921
Henrique Castriciano - 1921 – Vice-Governador
Henrique Castriciano - 1918 – 1920
Bel Henrique Castriciano - 1915 1918
Escritor, fundador e primeiro diretor da Escola Doméstica de Natal, natural de Macaíba-RN
PEDRO SOARES DE AMORIM - 1913 – 1915
FABRÍCIO MARANHÃO DE ALBUQUIERQUE MARANHÃO - 1887 – 1914
Fabrício Gomes de Albuqquerque Maranhão,natural de Macaíba-RN, nascido a l3 de fevereiro de 1852, filho de Amaro Barreto de Albuquerque Maranhão e de Feliciana Maria, filha de Fabrício Gomes Pedroza, senhor de engenho e grande comerciante em Macaíba e de dona Luiza Pedroza. Antigo deputado estadual, chefe político e industrial no município de Canguaretama, do qual exerceu a presidência da Intendência Municipal em seis períodos. Faleceu no Rio de Janeiro no dia 19 de abril de 1924. Foi o único potiguar a administrar uma cidade em sete períodos: 1º - de 01/01/1893 a 31/12/1895, 2º - de 01/01/1896 a 31/12/1898 , 3º - de 01/01/1899 a 31/12/1901, 4º - de 01/01/1902 a 31/12/1904 , 5º - de 01/01/1905 a 31/12/1907 ,6º - de 01/01/1908 A 31/10/1910 ,7º - de 10/01/1911 a 31/12/1913.
BEL MANUEL MOREIRA DIAS - 1895 1896
JERÔNIMO AMÉRICO RAPOSO DA CÂMARA - 1892 - 1896
JOSÉ GERVÁSIO DE AMORIM GARCIA - 1891 – 1892
BEL. JOSÉ INÁCIO BERNANDES BARROS - 1891
BEL JOSÉ MOREIRA BRANDÃO CASTELO BRANCO - 1888 – 1891
JOSÉ GERVÁSIO DE AMORIM GARCIA - 1886 – 1889 -
PERÍODO IMPERIAL DE 1835 A 1889
JOSÉ BERNARDO DE MEDEIROS - 1883 – 1884
BEL EUCLIDES DIOCLECIANO DE ALBUQUEQUE - 1882 – 1883
Nasceu na cidade de Aracati-CE, a 11 de junho de 1842. Bacharel pela Faculdade do Recife, foi promotor público de Maioridade (Martins), no período de 1866 a 1871 e de Mossoró, de 1876 a 1877. Exerceu o cargo de Delegado Especial do Inspetor Geral da Instrução Primária e Secundária do município da Corte do Rio Grande do Norte, e foi deputado provincial em várias legislaturas.
Eleito presidente da Câmara Municipal de Mossoró para o biênio 1881-1883, não presidiu uma só sessão durante o biênio. ‘Todo o período administrativo em que lhe competia dirigir foi administrado por Manuel Benício de Melo, escolhido por seus pares” para seu substituto.
ANTONIO BASÍLIO RIBEIRO DANTAS - 1879 – 1880
Obs.: NÃO SE REUNIU AL ANO DE 1881
Bel. MANUEL QUINTINO DA SILVA - 1872 – 1877
Bel JERONIMO CABRAL RAPOSO DA CÂMARA - 1870 – 1872
BEL AMARO CARNEIRO BEZERRA CAVALCANTI - 1868 - - a Assembleía Legislativa Provincial não se reuniu em 1869
AMARO CARNEIRO BEZERRA CAVALCANTE, natural do Recife, nasceu a 15 de janeiro de 1825 e falecido no Rio de Janeiro no dia 25 de novembro de 1890. Bacharelou-se em Olinda em 1847. Adoecendo, veio para o Rio Grande do Norte como Promotor Público da Maioridade, atual cidade de MARTINS, EM 1848. Em 1849 já estava sendo falado como aliado ostensivo do Juiz de Direito dr. João Valentino Dantas Pinagé, ex-presidente em exercício, temperamento exaltado e generoso, grande gritador malcriado, pronto a dar a camisa a quem agredira. Pinajé era conservador, nortista puro chefiado na forma do costume uma dissidência saquerema. Amaro Bezerra fez a velada das armas com Pinajé. Estava em boas mãos.
Em 1850 era Juiz Municipal e deu motivo a comentários em toda Província. A situação era do Partido Conservador com o visconde de Macaé no poder desde 1848. Para o Rio Grande do Norte o Governo nomeou o dr. José Pereira de Araújo Neves, carta imperial de 2 de novembro de 1849, e o novo presidente assumira a 2 de dezembro de 1850, quase subitamente. Não tivera tempo de colocar nos postos os corregionários e demitir os adversários. Com a morte do Presidente Neves assumiu o Vice-Presidente João Carlos Wanderley, chefe do Partido Liberal, intransigente. Assim, num governo conservador, governaria um liberal por fora da lei. Neves se descordara de fazer nomear os vice presidentes do seu partido.
Para se ter uma idéia de Amaro Bezerra, em plena fase conservadora, basta ler o ofício que endereçou a João Carlos, vice-presidente em exercício na vaga do presidente Araújo Neves. Reposta de conservador para liberal, de um Juiz Municipal para o Presidente da Província.
OCTAVIANO CABRAL RAPOSO DA CÂMARA - 1866
BEL. JOSÉ MOREIRA BRANDÃO CASTELO BRANCO - 1864 – 1866
Natural de Goianinha-RN, nascido em 4 de setembro de 1828, filho de Antônio Pita Brandão e Justina Moreira Brandão. Dr. Moreira Brandão foi um homem atuante e inteligente em todos os setores de sua vida. Foi jornalista, poeta, advogado e político. Como jornalista, iniciou-se, ainda acadêmico, em Olinda, de cuja Faculdade de Direito saiu bacharel em 13 de novembro de 1849. Aí, já fundava jornais, como o mensageiro, “Aurora”, cuja publicação, recebera, posteriormente, elogios de Clovis Beviláquia, notável jurisconsulto, professor Ascendino de Almeida. Faleceu em Natal no dia 16 de julho de 1893.
PADRE BARTOLOMEU DA ROCHA FAGUNDES
BEL AMARO CARNEIRO BEZERRA CAVALCANTI - 1862 – 1863
BEL LODOLOFO HERCULANO MARINHO FALCÃO - 1861 – Foi o primeiro Juiz de Direito da Comarca de Apodi em 1876
BEL AMARO CARNEIRO BEZERRA CAVALCANTI - 1861 – 1861
PADRE JOAQUIM SEVERINO RIBEIRO DANTAS - 1859
PADRE JOSÉ DE MATOS SILVA - 1858
BEL. AMARO CARNEIRO BEZERRA CAVALCANTI - 1857
PADRE JOSÉ DE MATOS SILVA - 1856
PADRE ANTONIO JOAQUIM RODRIGUES - 1854
Natural do Assu, nascido em 12 de junho de 1821, filho Antonio Joaquim Ropdrigues e de Vicência Ferreira da Mota. Foi ordenado padre por Dom João da Purificação Marques Perdigão no ano de 1824. Primeiro governante de Mossoró, tomou no dia 24 de janeiro de 1953.

BEL. OTAVIANO CABRAL RAPOSO DA CÂMARA - 1852 – 1853
BEL. FRANCISCO DE SOUZA RIBEIRO DANTAS - 1849- 1850
JOÃO INÁCIO DE LOIOLA BARROS - 1848
BEL. JOÃO VALENTINO DANTAS PINAGÉ - 1847
PADRE MANOEL JOSÉ FERNANDES - 1846
BEL. FRANCISCO DE SOUZA RIBEIRO DANTAS - 1845
PADRE MANOEL JOSÉ FERNANDES - 1844
BEL. BASÍLIO QUARESMA TORREÃO JÚNIOR - 1842 – 1843
JOÃO CARLOS WANDERLEY - 1841
PADRE MANOEL JOSÉ FERNANDES - 1838 -1840
PADRE ANTONIO XAVIER GARCIA DE ALMEIDA - 1836 – 1837
PADRE FRANCISCO DE BRITO GEURRA - DE 2 DE FEVEREIRO DE 1835 A 20 DE MARÇO DE 1836
FRANCISCO DE BRITO GUERRA, natural de Campo Grande-RN, nascido em 18 de abril de 1777. Padre, professor de latim, vigário de Caicó, deputado provincial, senador do império, comendador da Ordem de Cristo. Foi um dos fundadores de “O NATALENSE”, fundado em 2 de setembro de 1832, primeiro jornal da Província do Rio Grande do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
O Blog JOTA JÚNIOR é o 10º do Portal Oeste News – A MAIOR FONTE DE INFORMAÇÕES ANTIGAS E ATUAIS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, com 10 blogs e mais de 500 links – UMA VERDADEIRA ENCICLOPÉDIA DIGITAL NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES, com as coisas potiguares. Esta página na INTERNET é exclusivamente com links referentes várias Câmaras Municipais Potiguares. Juntando-as de APODI, MOSSORÓ e PAU DOS FERROS, links do blog JM-DOCUMENTOS. Nossa intenção é no sentido é de criar links dissecando a história de Câmeras Municipais de nosso Estado.